Cartas de amor aos mortos de Ava Dellaira (Opinião)



Uau! Adorei tanto este livro que nem por onde começar...
Li-o há uns dias e ainda não tenho palavras para descrever o quanto adorei o livro.
Este livro foge bastante aos meus gostos literários (não sei porquê mas ultimamente só quero ler livros deste género). Acho que o que mais me surpreendeu foi o livro ser tão realista, o que fez com que me apaixonasse pela história e pelo género em si (entretanto li mais livros do mesmo género).
O livro conta a história de Laurel, uma adolescente que recentemente perdeu a sua irmã May e que vive assombrada com essa perda. Assim sendo, Laurel decide mudar de escola para evitar que qualquer pessoa que conheça tenha pena dela devido a morte da sua irmã, começando, ou tentando começar uma “vida nova”.
Durante uma aula de inglês  Laurel recebe a tarefa de escrever uma carta a alguém que já tivesse morrido. Ela decidiu escrever a Kurt Cobain, pois era um dos cantores preferidos da sua irmã. Essa carta acaba por ser um desabafo tão profundo e intenso que ela não teve coragem de a entregar. Depois dessa carta ela decide escrever diversas outras cartas a mais pessoas que já tinham falecido e essas cartas acabam todas por ser um desabafo do seu dia a dia. Nas seguintes cartas ela ira contar como consegui fazer novas amizades, as suas aventuras, os seus amores e os problemas que surgem durante a adolescência.
Como já referi em cima adorei o livro, achei um livro brilhante e fiquei rendido a escrita da autora, "Cartas de amor aos mortos" foi o romance de estreia de Ava Dellaira e espero que não seja o último. Gostaria imenso de ver outros jovens a lê-lo e apreciá-lo tanto como eu.
Depois de ter terminado o livro fiquei com pena de não ter uma continuação, mas neste momento a única coisa que posso aguardar é a adaptação cinematográfica  deste livro ao qual estou bastante curioso.
9/10

0 comentários:

Enviar um comentário

 

Formulário de Contacto

Nome

E-mail *

Mensagem *