Traidores e Traições na História de Portugal de Sérgio Luís de Carvalho (Divulgação Editorial Planeta)



Titulo original :Traidores e Traições na História de Portugal 
Páginas: 176
Editor: Editorial Planeta
ISBN: 9789896577162


Desde Viriato e Sertório, passando pelas crises de independência – tão pródigas em traições, como aqui se mostra – até ao final da I Guerra Mundial, com a história de um soldado português executado por traição à Pátria...
Este livro fala de traidores. Mais concretamente de traidores portugueses. Como tal foram acusados de traição pelos poderes legítimos e, como tal, foram (eventualmente) julgados.
Mas isto é só metade da história. Se seguíssemos com rigor este princípio, homens tidos hoje como o paradigma da traição – Miguel de Vasconcelos, por exemplo – não poderiam ser analisados neste livro, enquanto outros, vistos hoje como heróis nacionais – o Mestre de Avis, D. Nuno Álvares Pereira ou D. João IV –, seriam considerados traidores.
Neste livro há homens de bem, há oportunistas, há homens de convicções, há malandros, há homens de fé, há pulhas. Todos traíram ou foram acusados de trair (justa ou injustamente).
Não são todos farinha do mesmo saco, apesar de estarem todos aqui no mesmo saco. Todos têm histórias algo trágicas e, por vezes, até, algo cómicas, todas garante de uma leitura deleitada.
Com a mestria, o rigor e o tom vivaz e irónico a que já nos habituou, Sérgio Luís de Carvalho volta a fazer história da História de Portugal, através do fulgor e fascínio que nos inspiram os grandes traidores aqui tratados.


0 comentários:

Enviar um comentário

 

Formulário de Contacto

Nome

E-mail *

Mensagem *